Brasilgamer.com.br

Backlog de jogos, o que fazer para diminuí-los?

Uma palavra que traduzindo ao pé da letra significa acúmulo ou atraso de algo.

Eu não sei dizer o que é mais conveniente neste caso, porque ao ter um backlog de jogos, todos nós temos tanto um acúmulo pois compramos muitos deles sem nem ao menos testá-los (ou precisar jogá-los exatamente quando compramos), quanto um atraso para jogarmos estes jogos já que a tendência é que quanto mais jogos compramos menor serão as chances de diminuirmos o backlog.

Porque compramos sem necessidade?

Mas por que continuamos a comprar os jogos, mesmo já tendo vários deles e não tendo jogado nem a metade? A resposta é um pouco complexa e envolve muito consumismo de nossa parte e até talvez um pouco de psicologia, abaixo vai a minha tentativa de tentar explicar o motivo, apenas lembrando que as opiniões neste artigo são pessoais e com certeza não irão valer para todos que estão lendo.

Eu vou usar o exemplo da Steam por ser o mais óbvio e fácil de explicar. Imagine que você acabou de fazer o cadastro na Steam, só vinculou seu cartão de crédito no site e baixou o aplicativo para desktop para facilitar sua navegação pelo sistema da Valve.

Você baixou e instalou o aplicativo e a primeira coisa que aparece pra você geralmente é uma tela de novidades com os jogos do momento disponíveis para compra, se você ignora e fecha esta tela a próxima será a tela principal que muitos, eu incluso, deixam o padrão do aplicativo que é abrir direto na aba Loja, que contém dezenas, quer dizer centenas, ou melhor, milhares de jogos a preços geralmente baixos (se comparado com jogos de console) e atrativos.

Isso acaba, de uma forma ou de outra, atraindo nosso desejo consumista de ir lá e comprar, já que o cartão de crédito está vinculado a conta seria uma tarefa tranquila e rápida comprar 1, 2, 3 ou mais jogos, não é mesmo? E isso vai se repetindo, e aparecem as sales da Black Friday, sales de Natal, sales de Ano Novo, sales de qualquer outra data comemorativa... até que você para e olha seus jogos...

1

Como resolver isso?

Eu tenho esse problema, não com a Steam, tenho conta lá mas nem 5 jogos comprados de fato, pois prefiro jogar no console do que no PC, mas enfim, tenho o mesmo problema de comprar sem necessariamente precisar, admito que isso é um problema, sou consumista sim e não nego, mas assim como muitos de vocês que devem estar lendo, quero melhorar, eu sei que tem uma luz no fim do túnel...

Apenas para contar a minha situação, tem pessoas com backlog muito maior, disso não tenho dúvida, mas o meu caso no momento em que escrevo este artigo é o seguinte:

  • 4 jogos de PC (3 pelo GoG.com e 1 pelo Steam), 2 deles sequer iniciados
  • 104 jogos de Xbox 360, 20 deles sequer iniciados
  • 89 jogos de Xbox One, 52 deles sequer iniciados

197 jogos, sendo que 74 deles sequer foram iniciados, isso dão pouco menos de 38% do total, ou seja, mais de 1/3 dos jogos comprados em meu backlog sequer foram iniciados!

2

Muitos jogos, muito pouco tempo

Em minha busca incessante sobre como resolver esse problema a primeira coisa que fiz foi, remover os cartões de crédito da minha conta da Xbox Live (tinha 3 cadastrados, hoje só tenho um, já é alguma coisa), a segunda coisa que fiz foi pesquisar na internet formas de diminuir o backlog, já que também não adianta muito você parar de comprar mas também não jogar os que comprou e ficar nos mesmo sempre.

Com a busca feita descobri algumas dicas bem simples, que só de começar a fazê-las já me ajudaram um bocado e consegui fechar alguns jogos neste início de ano, irei listar as dicas mais importantes abaixo, que achei neste artigo (em inglês) e adaptei a minha maneira abaixo:

  1. Faça uma lista gigante do seu backlog inteiro - esta dica é a mais simples e ao mesmo tempo a mais eficiente de todas, pelo menos visualmente. Você irá saber exatamente quantos jogos tem, um por um e conseguirá assim administrar melhor seu backlog.
  2. Uma vez tendo essa lista feita, olhe cuidadosamente e remova (ou coloque no fim da lista) todos aqueles jogos que você comprou por impulso e não pretende jogá-los agora, nem mês que vem, nem talvez ano que vem, nem talvez nunca. Se eles são jogos físicos você ainda pode vendê-los, se são digitais... eu lamento.
  3. Deixe ao final da lista jogos que são somente multiplayer, como Titanfall, Star Wars Battlefront, Overwatch, etc. Eles são divertidos? Com certeza, eles consomem seu tempo? Absurdamente. Muitas vezes você continua jogando aquele jogo viciante online e "se esquece" de voltar ao seu backlog de jogos singleplayers, eu mesmo faço muito isso com FIFA e devo parar em breve.
  4. Continue arrumando sua lista agora organizando no topo os jogos singleplayers com campanha (vale também os singleplayers que contenham multiplayers, como COD e BF por exemplo, mas eu deixaria eles no meio da lista e não no topo) que você comprou e quer jogar, ou está jogando, fazendo isso você meio que se organiza e consegue seguir uma ordem específica.
  5. (Opcional) Se você gosta muito daquele jogo multiplayer citado no ponto 3, não há problema em jogá-lo entre os jogos singleplayers do topo da lista, o problema é ele tomar todo seu tempo livre para jogar, que já deve ser escasso.
  6. Corte o problema na fonte, como diz o artigo, resista com todas as suas forças em comprar mais jogos, a única forma de diminuir seu backlog é jogá-los sem comprar mais jogos, parece muito óbvio e de fato é. Se você usa o Steam altere a página inicial para não abrir na loja e sim em sua biblioteca de jogos, se você joga mais nos consoles, assim como eu, a ideia de remover cartão de crédito irá ajudar, evitar ir na loja que o console oferece também é algo importante.
  7. Isso varia de pessoa para pessoa, mas eu gosto muito de listas, então o que fiz também para ajudar foi pegar a lista inteira dos jogos de Xbox 360, que são os que mais tenho no backlog, e ir cortando em partes pequenas de até 5 jogos, separando em ordem dos que gostaria de jogar agora, pros que gostaria de jogar futuramente, e ir usando estas listas a cada mês (comecei esse mês e está dando certo).
  8. Com sua planilha montada seguindo as dicas acima, agora só falta uma coisa: jogar! Jogue um jogo por vez, se ele te enjoa fácil tente jogar outro mais "light" durante a semana, se você é complecionista, assim como eu e tantos outros, pegue todas as conquistas/troféus e seja feliz gastando o triplo do tempo que levaria pra completar um jogo, aumentando o replay value dele, se não é complecionista termine a campanha e passe para o próximo, enfim.. aproveite o jogo da melhor maneira possível e passe para o próximo da lista. Não adianta também jogar correndo que você irá acabar se frustrando e não aproveitando o jogo, consequentemente não fazendo valer aquele dinheiro suado investido. Afinal jogos não são baratos, ainda mais no Brasil.
  9. A última dica do artigo mencionado acima é, quando terminar o jogo conte para os outros! Isso te motiva ainda mais a continuar completando jogos ao ver que seus amigos sabem do seu esforço e te prestigiam a cada jogo completado. Você pode até motivar outros a serem igual a você e começarem a trabalhar no backlog deles, por "culpa" sua, olha que interessante!

É isso, seguindo estas dicas tenho certeza absoluta que com um pouco de disciplina e determinação você irá conseguir diminuir seu backlog, assim como eu estou lentamente diminuindo o meu.

Espero daqui a 1 ano voltar aqui e escrever como eu consegui diminuir meu backlog de 197 jogos para... quem sabe menos de 50?

E vocês, tem um backlog grande? Muito maior que o meu, tenho certeza que sim, comentem aí e vamos nos ajudar a se livrar deste grande problema.

Comentários (22)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela sua contribuição!

  • Carregando...