Brasilgamer.com.br

Resident Evil HD Remaster - Análise

O clássico jogo de horror e sobrevivência retorna em grande estilo.

Depois de quase 20 anos de sua primeira aparição, o clássico RE volta em uma versão remasterizada para o delírio dos inúmeros fãs que até hoje consideram esse jogo como sendo o melhor game de horror e sobrevivência de todos os tempos. Lembrando que o jogo recebeu uma edição remasterizada em 2002, exclusiva para o GameCube. No entanto, o tempo passou, os consoles continuaram evoluindo e mais uma vez a Capcom aposta em um novo remake, dessa vez, para os consoles da Microsoft e Sony.

Mesmo após anos desde seu lançamento a emoção de entrar novamente na "mansão" é indescritível. A maioria dos leitores certamente conhecem muito bem o enredo do jogo, mas para aqueles que não estão familiarizados com a série, segue uma breve descrição. Em RE uma série de incidentes bizarros acontecem aos arredores de Raccoon City, onde uma equipe de policiais é enviada para descobrir o que está acontecendo e curiosamente acabam desaparecidos.

Uma segunda equipe é enviada ao local e pouco tempo depois essa equipe é atacada por uma matilha estranha de Dobermans e acabam parando dentro da estranha mansão. Entre eles estão: o Capitão Albert Wesker e os agentes Chris Redfield, Jill Valentine e Barry Burton, que decidem investigar o local.

Independente se você escolher um dos dois principais protagonistas, Chris e Jill, o início do jogo será um pouco diferente, mas o nível de dificuldade permanecerá o mesmo. Como estamos falando de um jogo de sobrevivência, não é preciso lembrar que a quantidade de munições é extremamente limitada.

Bem, agora que todos estão familiarizados com o enredo é hora de tocarmos no assunto principal... temos aqui um jogo em alta definição. É claro que a contagem de polígonos dos protagonistas e os objetos do inventário estão visivelmente maiores e melhores do que o da versão anterior e muitos ambientes principais têm sido altamente polido, mas não todos.

"O modo de jogo está em 16:9, mas quem quiser pode optar pelo modo original 4:3 que também está disponível."

O início do jogo é fantástico com muitas cores e diversos detalhes por todo o lado com efeitos de sombras sensacionais. Infelizmente nem todos os lugares receberam o mesmo tratamento e alguns deles apresentam uma paleta de cores menos chamativa, com poucos detalhes e pequenas falhas em determinados objetos do cenário. Esses problemas ocorrem apenas em alguns locais secundários e isso não interfere na experiência geral do jogo, já que esses locais não são visitados com frequência.

Um dos outros grandes pontos da remasterização é o seu modo 16:9. Aqui, o jogo corta os topos e fundos de cada área para preencher a tela horizontalmente. Quem quiser pode optar pelo modo original 4:3 que também está disponível. Existe também a possibilidade de optarmos por controles alternativos.

Um novo sistema de controle opcional está presente, onde as alterações na jogabilidade são mínimas - ou seja, os fãs do original não vão ficar decepcionados. A remasterização trouxe ainda pequenas melhorias nas animações, mas para a nossa alegria as tradicionais sequências com as portas que se abrem ainda estão lá.

Novo trailer de Resident Evil HD Remaster

Claro que RE HD Remaster permanece o bom e velho RE com toda a sua atmosfera, tensão, ruídos que nos acompanham em cada passo, uma sombra que se move e, é claro, a magnifica trilha sonora orquestrada que torna o jogo simplesmente memorável. Além disso, os enigmas e quebra-cabeças, na sua simplicidade e ingenuidade, se encaixam perfeitamente no "estado de espírito" do jogo.

Lembre-se também que você não pode atirar enquanto se move e que seu inventário será limitado a um punhado de itens. Use com sabedoria os baús para armazenar o que você realmente não precisa e para estocar munição e ervas verde/vermelha que são vitais para o sucesso da missão, bem como a utilização dos saves.

Temos aqui um jogo com a melhor atmosfera de horror dos últimos anos e também um dos mais difíceis do gênero. Se, após ter terminado o jogo com Chris e Jill (usando uma média de 8 horas em cada campanha) você desejar tentar a sorte com novos desafios, a Capcom oferece para você diversos modos adicionais e assustadores. Cabe a você a decisão de encarar ou não esses novos desafios.

Quem é fã e jogou o primeiro episódio, certamente você vai adorar essa remasterização, por outro lado, se você é um novato na franquia e ainda não teve a oportunidade de experimentar a origem da série, essa é sua grande oportunidade. Afinal de contas, estamos falando de RE, um jogo de horror e sobrevivência que até hoje é lembrado pelos fás do gênero e que ainda serve como inspiração para diversos criadores de jogos que tentam superar ou ser tão bom quanto Resident Evil é.

9 / 10

Resident Evil HD Remaster - Análise Christian Donizete O clássico jogo de horror e sobrevivência retorna em grande estilo. 2015-01-21T07:00:00-02:00 9 10

Comentários (6)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela sua contribuição!

  • Carregando...