Sniper Elite 3 - Análise

A Rebellion conseguiu um tiro certeiro?

Sniper Elite 3, o terceiro jogo da série, ou melhor dizendo, a sequência de Sniper Elite V2 chega ao PC e consoles, colocando mais uma vez o jogador na pele de um atirador de elite da Segunda Guerra Mundial. O jogo se passa no norte da África, onde nossos inimigos, os nazistas, devem ser abatidos a todo o custo a partir de pequenos fortes espalhadas ao longo do território Africano.

Logo no início vamos aprender a lidar com todas as mecânicas do jogo, algo muito familiar para os fãs da série. O gatilho esquerdo ativa dois níveis de zoom diferentes, um logo atrás dos ombros do protagonista e o outro dentro do visor de seu rifle sniper, enquanto que com o gatilho superior direito você pode segurar a respiração, encontrar a trajetória exata da bala e atirar com calma em seu objetivo.

O tradicional sistema de câmera lenta também retorna no terceiro episódio com mais detalhes, incluindo um sistema de imapacto dos tiros em vários órgãos ou músculos do inimigo. Esse sistema é ativado por tiros a longa distância e é um bom truque para aliviar a tensão de um jogo que agora nos tira de trás dos escombros para nos inserir em um campo aberto de batalha.

A novidade em Sniper Elite 3 é que agora esse sistema se estende também - além de órgãos e músculos - para as partes mecânicas dos veículos. Inclua na lista partes dos motores e também o tanque de combustível, algo que pode ser literalmente explosivo em determinados casos.

Furtividade também é um item de série e pode ser ativado assim que nos aproximamos por trás de um oponente pressionando o botão Triângulo, no caso do PlayStation, ou o botão Y, no Xbox. Mas fiquem atentos, pois a inteligência artificial está mais atenta aos sons que acontecem ao redor e isso pode dificultar muito esse tipo de abordagem.

Nossos oponentes possuem quatro níveis de alerta indicados por círculos inicialmente amarelos que podem chegar a cor vermelha na pior das hipóteses. Então, se quiser ser bem sucedido e evitar que o alarme seja disparado, tenha cautela, ou sua missão já era. Isso porque os inimigos reagem sem piedade ao som do alarme com comportamentos totalmente agressivos.

Tão agressivo que às vezes nem mesmo o sistema de cobertura pode nos ajudar a escapar. Uma abordagem que já possui um histórico deficiente na série e que continua acontecendo aqui. Outra deficiência de Sniper Elite 3 é a ocultação de cadáveres, ocultar inimigos abatidos pode expor nosso atirador e acabar entregando nossa localização, ao invés de evitar que sejamos descobertos.

Porém o jogo oferece vários caminhos que ditam o ritmo das missões. Usar a grama alta para se locomover oferece uma abordagem mais calma, verificando assim onde está o seu objetivo ou próximo alvo com a utilização de um binóculo. Dessa forma, podemos abater os guardas com um baixo risco de sermos vistos. Caso queiram uma abordagem mais eletrizante, basta explodirem alguns barris e criar algo mais divertido. Isso é possível em Sniper Elite 3 graças a amplitude dos mapas e sua diversidade de detalhes.

Sniper Elite 3 - Trailer de lançamento

Todas as missões possuem um objetivo primário e objetivos opcionais que servem apenas para testar a habilidade dos jogadores, sendo assim, são opções que podem ser descartadas partindo diretamente para o objetivo principal... seja o melhor naquilo que realmente deve ser feito. Vale lembrar que a cada missão completada recebemos pontos de experiência que podem desbloquear novos itens para nossos equipamentos.

Graficamente o jogo é bonito e apresenta uma boa iluminação, pelo menos na versão para PC ao qual tivemos acesso. O jogador também tem acesso a uma interface e legendas em português.

Realmente a Rebellion tentou entregar algo melhor do que vimos em Sniper Elite V2, e podemos dizer que eles conseguiram, mas infelizmente ainda cometeram alguns erros do passado, que irão novamente testar a paciência de cada jogador. Algo que estraga a experiência? Não... mas deixa claro que outros jogos disponíveis no mercado podem oferecer algo mais.

7 / 10

Leia nosso sistema de pontuação Sniper Elite 3 - Análise Christian Donizete A Rebellion conseguiu um tiro certeiro? 2014-07-01T09:00:00-03:00 7 10

Comentários (2)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela sua contribuição!

  • Carregando...