Resident Evil 6 - Análise

Tudo o que você queria. Muitos Zumbies.

O melhor no game é integração perfeita entre as 4 campanhas.

Versão testada: PC

Novos Zumbies, ótimos gráficos, 4 campanhas para detonar e DLC. RE6 para PC traz uma grande variedade de inimigos, armas e golpes. Jogabilidade fácil num enredo meio manjado. Legendado em português do Brasil, o game contem uma pequena dificuldade com o movimento da câmera.

Vírus-C está de volta. 70.000 pessoas infectadas. Resident Evil 6 é marcado por sequências muitas cinematográficas com ação sem interrupções. Antes mesmo de iniciar a jogatina oficial, o jogador se vê na pele de Leon no meio de uma aventura com Helena. Após destruir uma pancada de Zumbies e quase morrerem numa fuga aérea em uma cidade da China, eles seguem para um salão onde encontram algo muito estranho. Esse é basicamente o final do game. Toda a jogatina conta a história até se encontrar neste mesmo período. Claro que depois disso ainda tem muito jogo pela frente. rs!

Modo campanha é possível escolher entre 7 personagens diferentes divididos em 4 campanhas. Cada dupla segue um enredo, com exceção de Ada que joga sozinha. Campanhas podem ser jogadas por qualquer personagem da dupla. São divididas por datas e contam separadamente um período da história da sexta versão da franquia.

Campanhas de Resident Evil 6 Duplas (escolha o personagem para jogar)
Leon Leon e Helena
Chris Chris e Piers
Jake Jake e Cherry
Ada Gameplay Solo

Enredo cuidadoso, baseado num calendário onde cada campanha se passa em datas que passam em 24 de Dezembro de 2012, 27 de Julho de 2013, 30 de Julho de 2013. Um calendário completo. Isso prolonga incrivelmente a vida do game, pois cada campanha conta a história de personagens específicos até cruzarem suas histórias com outros em outra campanha. Entendeu? hehe! Leon inicia sua campanha no dia 29 de Julho de 2013. Encontramos Chris Redfield bem mais velho, iniciando sua campanha em 24 de Dezembro de 2012, mas em determinado momento sua história cruza com a de Leon e todos os outros personagens. Uma iniciativa de sucesso já usada em Resident Evil 2. Ao terminar o game com Leon, você descobre o responsável por tudo, mas quer saber como tudo aconteceu, jogue as outras 3 campanhas.

Jogos de Zumbies não impressiona mais como antigamente (não sei vocês), mas este RE faz pensar que nossa cidade está cheia de Zumbies no final da jogatina. Todas as portas, com exceção das que são destruídas no chute, são abertas num modo suspense. O jogador abre devagar causando uma pequena angústia com o que vamos encontrar pela frente.

Configurações online são necessárias antes da jogatina. Você decide se quer ser ajudado por um jogador ou quer um modo solo. Escolha a Região que deseja encontrar parceiros. Dificuldade e até munição infinita, onde simplesmente aparece munição na maioria dos Zumbies abatidos. Na verdade, infinito, é o número de munição que podem ser encontrados nos corpos. Parceiro controlado pelo computador é uma ajuda e tanto para acabar com os inimigos.

Objetivos devem ser seguidos para conclusão do game. Todo momento as conversas dos personagens indicam o caminho que se deve seguir. Textos na tela também informam o caminho. Por falar em caminho, uma ferramenta pra lá de útil deixam este caminho muito fácil. Apertando o comando, uma seta mostra, literalmente onde se deve seguir. Se perder no mapa, totalmente linear, quase sem exploração é muito difícil.

Bug ou ajuda padrão da série?

Na hora do desespero, corra e pronto. Como desde a primeira versão da série, a jogatina é facilitada ao chegar perto de uma porta e clicar para abrí-la. Isso também acontece nessa versão. Não importa a quantidade de Zumbies. Não importa a distância que seu parceiro está. Clicar para abrir a porta ou portão resolve o problema. Se tiver um Zumbie próximo, ele vai ficar andando sem te atacar. Como esse "bug" vem do século passado, já pode ser considerado uma ajuda da Capcom para os jogadores saírem de encrencas pesadas!

Jogabilidade alinhada

imagem01

Esta tela tem a resposta de um quebra-cabeça.

Jogabilidade é bem estruturada, principalmente utilizando o controle do Xbox 360. Tem grave problema com a câmera. Quase em todo o game, literalmente, é necessário controlar a câmera manualmente. Em batalhas, a visão atrapalha totalmente. Não dá para caminhar sem controlar a visão. Se compararmos com o novo Tomb Raider, que possui uma camera excelente, esse erro fica em evidencia total. Comandos de controle se baseiam em andar com o personagem, controlar a câmera, acionar o guia de rota, tomar comprimidos de cura, mirar e atirar, correr, acionar lista de ítens e movimentos de ação (utilizando também os direcionais "RS" se estiver no controle do Xbox 360). Tudo muito instintivo e fácil de lembrar, visto que os desenhos dos botões aparecem na tela durante todo o game como mostra a imagem ao lado. Ações são indicadas com imagens dos botões ou círculos com um marcador de tempo. É necessário fazer o comando antes do marcador zerar ou quando o marcador chegar sobre uma marca indicada no círculo.

Habilidades podem ser compradas para a evolução do personagem. Existe uma infinidade de novas habilidades para comprar com pontos adquiridos durante a jogatina. Enigmas inteligentes seguidos de muitos manjados continuam. Armas como pistolas, metralhadoras, granada incendiária fazem parte de um arsenal que o jogador vai encontrando linearmente durante o desenrolar da história.

Zumbies bêbados? Modo Mercanérios chato?

Zumbies estão modernos. Na campanha de Leon, eles ainda são bobões andando em passe de cofre, "dois prá lá e três pra cá". Existem Zumbies mais poderosos que cospem no jogador. Até tubarão Zumbie tem na jogatina. Nas outras campanhas a jogatina fica melhor. Zumbies são extremamente fortes e traumas físicos podem causar mutações. São inteligentes e sabem manipular armas. Eles parecem menos loucos que Resident Evil 5. Sabem trabalhar na espreita e avisam os outros quando o jogador é encontrados.

O Multiplayer é dividido em 3 campanhas. Modo Caça a Agente: O jogador entra no jogo de outro jogador como uma criatura. Objetivo é sair na caça do jogador que está do lado dos "mocinhos". Legal comandar os Zumbies andando todo torto; Modos Mercenários e Mercenários sem piedade: Derrotar o máximo de inimigos no limite de tempo. Eu, particularmente acho chato esse tipo de jogatina. Prefiro o modo multiplayer cooperado, onde o jogador se junta com outro jogador para batalharem juntos. DLC exclusivo para PC, como RE6 x LFD2 estarão presentes.

Graficamente RE6 é estável. Visual bonito dos personagens e dos monstros. Diferentes ambientes são detalhados e a sincronização dos lábios dos personagens com a dublagem (em inglês) é bem feita. Ao descer escadas, os pés dos personagens saem fora dos degraus. Efeito de corrida causa boa impressão mas, mais uma vez, a câmera estraga tudo.

RE 6 é um game com muita ação. Bastante cenas animadas contando o enredo. Alguns momentos, o que distancia uma cena da outra é uma jogatina com menos de 1 minuto. Os gráficos são legais mas está longe de ser o melhor (mesmo na configuração máxima). Câmera atrapalha a jogatina.

7 / 10

Game legal. Gráficos bons. Infelizmente a câmera não ajuda muito. Modo Multiplayer Mercenários chato. Bom game marcado pela ação frenética e monstros horripilantes.

Leia nosso sistema de pontuação Resident Evil 6 - Análise Rodrigo Spinetti Tudo o que você queria. Muitos Zumbies. 2013-03-26T12:00:00-03:00 7 10

Comentários (9)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela sua contribuição!

  • Carregando...